ARQUIDIOCESE
de Pouso Alegre

Dom Majella preside primeira Missa de Exéquias na Catedral Metropolitana - por Pe. Andrey Nicioli


O Arcebispo Metropolitano de Pouso Alegre, Dom José Luiz Majella Delgado - C.Ss.R., celebrou na manhã deste segunda-feira (02) a primeira missa de Exéquias na Catedral Metropolitana. A missa foi concelebrada pelo Bispo Emérito de Campanha, Dom Diamantino Prata de Carvalho - OFM, pelo cabido metropolitano e por alguns padres do clero arquidiocesano. 

O corpo de Dom Ricardo chegou na Catedral Metropolitana por volta das 09h30, vindo de Monte Sião, onde estava sendo velado desde a tarde de ontem. 

Em sua homilia, Dom Majella afirmou que Dom Ricardo "procurou viver a vida de santidade que todos nós cristãos somos chamados a viver. A nossa perfeição consiste na nossa união com Deus. Dom Ricardo expressou essa união na sua fidelidade, no ministério, no seu sorriso, numa vida interior. Pela sua vida interior ele era feliz. Dom Ricardo buscava cultivar essa vida interior. Conversa com Deus na alegria, sofrimento, dor. Assim Dom Ricardo fazia".

O Arcebispo também lembrou que a vida de Dom Ricardo foi marcada por momentos de Getsêmani e de Tabor.

"Dom Ricardo viveu muitas incompreensões, muitas dores. Soube estar unido à Deus. O silêncio inquietava muitas pessoas, mas era um silêncio de prece, silêncio de quem estava contemplando o Senhor, de quem estava unido à Deus", afirmou. 

Ao final da Missa, o Bispo Emérito de Taubaté, Dom Antônio Afonso de Miranda, fez a encomendação do corpo. 

Seu sepultamento será na terça-feira (03), após a missa das 14h, na Crípta da Catedral. Serão vários horários de missa: dia 02: 9h; 12h; 15h; 17h; 19h; 21h30 ; 23h30; dia 03: 7h; 9h; 12h;14h.

 

Publicado no dia 02/04/2018